Com o novo trabalho as rotinas cá por casa também se vão adaptando a esta nova realidade.
Hoje fui eu que levei a Leonor ao infantário, não havia necessidade de a fazer acordar tão cedo se eu estou em casa. 
(sim, estou em casa e a minha filha foi para o infantário, tudo tem o seu porquê
Aproveitei a manhã para passear com uma amiga e por a conversa em dia, enquanto comíamos um mega crepe de chocolate e morangos, haveria melhor forma de começar o dia? Claro que não.
Mas, agora vou desfrutar do resto da minha quase folga…
E quase porquê?
Cozinha por limpar;
Sala com brinquedos da Leonor;
Quarto para arrumar;
Roupa para guardar;
Quarto da Nônô por limpar;
Ir ao supermercado;
Refeições por fazer;
A lista parece não ter fim!
Isto de ser mãe, mulher, dona de casa e trabalhadora não é fácil de gerir, mas hoje tem que ficar tudo impecável, para amanhã poder descansar a sério no meu segundo dia de folga.
Bem, chega de ronha… lá vou eu arregaçar mangas.
Um beijinho
Mamã da Nônô
Share:
Ivânia Rodrigues
Written by Ivânia Rodrigues
Nasci em Faro numa tarde de Outono, em Outubro de 1990. Rapariga de boas notas e sempre certinha na escola, fui até à universidade onde estudei psicologia.