Hoje acordei com 27 anos!
Pois é, se me sinto diferente?
Não, apenas nostálgica.
O tempo tem passado a voar, literalmente em excesso de velocidade, comecei a dar mais pelo excesso de velocidade desde que fui mãe.
Hoje acordei determinada a traçar novos objectivos para mim.
O que quero fazer aos 27?
Quero conhecer ruas que nunca conheci, conhecer pessoas novas, quero fazer coisas que nunca fiz, quero solidificar as amizades verdadeiras e dar um empurrão para que novas surjam.
Quero sentar-me numa esplanada, a beber um café quentinho e a fazer exercícios mentais, para relembrar rostos que já cruzaram na minha vida, para relembrar cheiros, gestos e palavras que me marcaram.
Em 27 anos já tive tantas mas tantas pessoas que entraram e saíram do meu caminho, já chorei muito por isso, mas hoje, talvez devido à maturidade que tenho vindo a adquirir, sorrio! Sorrio não pelos que me deixaram, mas pelos que sempre me deram a mão e continuam aqui a meu lado, por eles sim, vale a pena sorrir todos os dias.
Hoje sinto-me grata por tudo o que tenho.
Dou valor a coisas tão simples que antes nem ligava.
Agradeço ter a meu lado um HOMEM incansável, que teima em me fazer feliz dia após dia.
Agradeço ter uma filha linda, perfeitinha e saudável, que me enche o coração e me conforta a alma.
Agradeço ter uma família e amigos que nunca me abandonaram.
Agradeço as minhas conquistas pessoais por mais pequenas que tenham sido.
Não vos consigo explicar como nem o porquê, mas nos últimos meses aprendi a ser feliz comigo mesma e com o que tenho. E pela primeira vez desde que me lembro, estou extremamente feliz, completa e realizada.
Ganhei a percepção de que chegamos e vamos embora deste mundo sozinhos, ninguém é dono de ninguém, e querer controlar a vida é impossível!… 
O Mundo é tão mas tão vasto…
Os meus 27 anos acabaram de chegar e neste momento só quero desfrutar deles junto de quem amo.
Já vou pensando nos 30, é uma verdade, mas ainda me falta algum tempo, e preciso de viver esse tempo a seu tempo.
Preciso curar feridas abertas, contornar inseguranças e fazer aquilo que tem de ser feito.
Agora vou só ali ser feliz…
Hoje é só o primeiro dia dos meus 27!
Desde miúda até agora, alguns momentos marcantes da minha vida!

Um beijinho
Mamã da Nônô

Share:
Ivânia Rodrigues
Written by Ivânia Rodrigues
Nasci em Faro numa tarde de Outono, em Outubro de 1990. Rapariga de boas notas e sempre certinha na escola, fui até à universidade onde estudei psicologia.